sábado, 7 de março de 2009

A importância da maçã

Tudo começou quando Adão e Eva foram despedidos por justa causa da Heaven Co. , só porque comeram uma única maçã da plantação de mais de 10.000 macieiras que cuidavam.

O pior é que inventaram a história da cobra. Como a cobra poderia ter induzido ao casal a comer a maçã?

E se era para ser um caso de sedução, porque a cobra não usou uma banana? Não havia sido ainda plantado uma bananeira?

Cobra não fala, segundo, falar com uma maçã na boca é como assobiar e chupar cana ao mesmo tempo, já tentou fazer?

Estátua de Guilherme Tell - Altdorf - Suiça

Depois teve o caso do Guilherme Tell, que enrolou todo mundo. Guilherme era zarolho e tinha que fazer exame de vista para poder tirar a carteira de cocheiro e ser contratado para ser o cocheiro real. Então o que ele fez?

Pegou uma maçã atravessou-a com uma flecha e em seguida fincou a flecha numa árvore numa altura acima da cabeça de seu filho Jr.

Nesse momento chegaram os examinadores e viram o Guilherme a uns 10 metros de distância e com o arco em posição de tiro. Ohhhh! exclamaram, que mira, que precisão, que visão.

Guilherme foi aprovado no exame de vista imediatamente, foi contratado pelo rei e trabalhou feliz até se aposentar.

Macieira de onde não caiu a maçã

Quando Isaac Newton, estava fazendo a sesta, preguiçosamente escarrapachado debaixo de uma macieira, quando , pimba! Levou uma maçãzada no cocuruto.
Dizem, que nesse momento ele pensou e formulou a teoria da gravidade. Concordo, mas antes de pensar e formulara a teoria, com certeza ele xingou uns bons palavrões.
Pergunto, quem consegue pensar alguma coisa quando dá uma topada, bate a canela numa quina, bate com o martelo no dedo ou bate a cabeça num poste. Solta é um sonoro palavrão, o que aliás é a melhor coisa para aliviar a dor, sem xingar a dor é mais intensa e demora mais a passar.


Temos a bruxa que envenenou a maçã e deu para a Branca de Neve. Na verdade a maçã não estava envenenada, continha entorpecente por isso ela acordou depois de um tempo, com uma baita larica. Se fosse veneno Branquinha teria batido as botas. Só não entendo como o golpe aplicado, hoje em dia, em que as pessoas são dopadas com algo na bebida e depois roubadas, enquanto estão apagadas, chama-se "Boa noite Cinderela". Na verdade deveria ser "Boa noite Branca de Neve" em homenagem a primeira personagem infantil a ser dopada.

Como no Brasil tudo termina em samba ou pizza, como sempre, fizeram uma marchinha de carnaval

História da Maçã (marcha/carnaval)
Composição: Haroldo Lobo e Mílton de Oliveira - 1954

Gravação de Jorge Veiga (Alô, alô aviadores do Brasil, aqui fala Jorge Veiga, lembram?)

A história da maçã
É pura fantasia
Maçã igual aquela
O Papai também comia

Eu li num almanaque
Que num dia, de manhã
Adão estava com fome
E comeu a tal maçã

Comeu com casca e tudo
Não deixando nem semente
Depois botou a culpa
Na pobre da serpente

História da BIG APPLE

As grandes cidades se transformam todos os dias. Antigos prédios vão abaixo, ruas são abertas, novas perspectivas desenham traçados diversos no mapa urbano. Mas algumas metrópoles do mundo fazem dessa revolução permanente uma verdadeira marca registrada. É o caso de Nova York ou, mais especificamente, da ilha de Manhattan, o coração financeiro e cultural da grande cidade americana. O projeto Manhattan Transformations pretende justamente recontar a história das incríveis mudanças da Big Apple através dos contornos diferentes do skyline no decorrer dos tempos e das alterações no traçado urbano. Impecável graficamente, a página consegue a proeza (rara) de educar e divertir.

Clique no link e veja as mudanças da Big Apple: www.skyscraper.org/timeformations/intro.html

MAÇÃ TECNOLÓGICA
A primeira logomarca da Apple Inc. foi desenhada pelo Steve Jobs e Ronald Wayne, que não é irmão do John. Vejam que ela mostra o Newton embaixo da macieira.
O segundo logo foi criado em 1976 pelo designer Rob Janoff, que era uma maçã com as cores do arco - íris mordida.
O logo atual foi criado em 1999, a maçã mordida cromada.

TORTA DE MAÇÃ DA VOVÓ DONALDA
INGREDIENTES:
MASSA:
250g de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de açúcar
1 tablete de margarina (100g)
1 ovo
1 gema (guardar a clara)
1 colher (chá) de fermento
1 colher (chá) de raspas de limão
1 colher (sopa) de suco de limão

RECHEIO:
6 maçãs
4 colheres (sopa) de açúcar
Suco de ½ limão

CREME:
500ml de leite
2 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (chá) de baunilha
3 colheres (Sopa, rasas) de maisena
3 gemas
Suco das maçãs cozidas

MODO DE PREPARAR:
MASSA:
Misturar os ingredientes ate formar uma massa macia. Se necessário salpicar um pouco mais de farinha.

RECHEIO:
Descascar as maçãs, corta-las em lâminas e levar ao fogo com o açúcar e o limão. No inicio, tampar a panela para soltar liquido. Depois, deixe ferver ate vidrar com a panela aberta.
Colocar em uma peneira ou escorredor para soltar o liquido. Reserve.

CREME:
Bater no liquidificador os ingredientes do creme e levar ao fogo brando, mexendo sempre ate obter um mingau. Acrescentar o liquido que escorreu das maçãs. Deixe esfriar.

MONTAGEM:
Separar 2/3 da massa (reserve o restante) e abrir com rolo em superfície enfarinhada, de forma a cobrir a assadeira até as bordas.
Se necessário, cobrir a assadeira por partes e unir com os dedos.
Despejar o creme frio na massa, cobrir com as maçãs e enfeitar com tirinhas da massa reservada. Pincelar com clara e salpicar açúcar cristal ou comum.
Levar ao forno moderado (180g) por uma hora.
Deixe amornar e sirva com sorvete de creme ou depois de fria, manter na geladeira.


Poderiamos ainda falar da Maçã do amor e da "Mulher Maçã", sim já existe, é uma funkeira de 25 anos, está bem na moda mulheres com nome de frutas, "Mulher Melância", de plantas "Mulher Samambaia" , breve teremos a "Mulher Alface Hidropônico", terá a vantagem de gastar pouca água , mas no verão , sei não, sei não...

Fotos, gravuras, dados: Wikipédia e outros sítos da internet