sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Você não precisa entender de música para apreciar uma música

Hoje em dia há uma necessidade das pessoas em "entender" sobre muitas coisas, ser um especialista em vinhos, cervejas, cachaça, música, moda, carro, etc.
Criam-se confrarias para se estudar e entender de tudo, tornar-se um "grande" conhecedor, saber harmonizar tudo com alguma coisa.
Para mim, são uns chatos de galocha, uns exibicionistas, que querem mostrar superioridade sobre outras pessoas com as suas "expertises".
Já falei que qualquer dia vou ver um boboca desses lambendo rolha de vinho em alguma churrascaria ou pizzaria rodízio. Porque cheirando, já vi em restaurantes mais ou menos, mais para menos, do que para mais.
E a exibição é total.
Bebida é para se beber com prazer, e de preferência em boa companhia. Beber o que se gosta pelo prazer de beber. Não se preocupando em ler rótulos, que tal bebida "tem" que ser acompanhamento de tal comida e ainda usando uma taça especial para cada tipo de bebida.
Puro marketing , para se vender produtos e se cobrar mais caro, dos tolinhos de plantão.
O mesmo acontece para a comida, a dança, as roupas, o carro, a música.
Morro de rir quando vejo umas peruaças enfeitadas para viajar de avião. Para o exterior então é hilário. Usam casaco de peles alugado ou emprestado e botam aquela bota incrementada e cobrem o corpo de bijus, só por que vão pegar um finzinho de inverno ou início de primavera nas "OROPA".
Viajam desconfortavelmente, mas no maior figurino.
Quanto a música, uma vez um tio me perguntou se eu entendia a letra e a história da ópera que tocava. Respondi-lhe, não entendo nada disso, mas ela me toca a alma e as minhas emoções.
Então seja você mesmo, sinta a vida como quiser, viva como desejar, curta o que gostar como achar melhor e deixe os chatos para lá.
Assista o vídeo abaixo, tire as suas conclusões.
Viva, divirta-se, seja feliz e aprecie a vida como você achar que deva ser.
Afinal, é a sua vida.


Understand Music from finally. on Vimeo.