quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Mineiro - Guimarães Rosa

guimaraes_rosa
JOÃO GUIMARÃES ROSA
"(...) mineiro não se move de graça.
Ele permanece e conserva.
E espia, escuta, indaga, protela ou palia,
se sopita, tolera, remancheia, perrengueia,
sorri, escapole, se retarda, faz véspera,
tempera, cala a boca, matuta,
destorce, engambela, pauteia, se prepara.
Mas,
sendo a vez, sendo a hora,
Minas entende, atende,
toma tento, avança, peleja
e faz."
(Guimarães Rosa)
João Guimarães Rosa, mais conhecido como Guimarães Rosa, nasceu em Cordisburgo, Minas Gerais, em 27 de junho de 1908 e morreu no Rio de Janeiro em 19 de novembro de 1967. Médico, diplomata e um dos mais influentes escritores brasileiros.

Sua obra inovadora criou uma nova linguagem influênciada pelas palavras e modo de falar popular. A regionalidade constante em suas obras descreve o sertão brasileiro.

Foi o primeiro dos sete filhos de Florduardo Pinto Rosa ("Fulô") e de D. Francisca Guimarães Rosa ("Chiquitinha").

Autodidata, começou ainda criança a estudar diversos idiomas, iniciando pelo francês quando ainda não tinha 7 anos, como se pode verificar neste trecho de entrevista concedido a uma prima, anos mais tarde:

"Eu falo: português, alemão, francês, inglês, espanhol, italiano, esperanto, um pouco de russo; leio: sueco, holandês, latim e grego (mas com o dicionário agarrado); entendo alguns dialetos alemães; estudei a gramática: do húngaro, do árabe, do sânscrito, do lituano, do polonês, do tupi, do hebraico, do japonês, do checo, do finlandês, do dinamarquês; bisbilhotei um pouco a respeito de outras. Mas tudo mal. E acho que estudar o espírito e o mecanismo de outras línguas ajuda muito à compreensão mais profunda do idioma nacional. Principalmente, porém, estudando-se por divertimento, gosto e distração."

Veja nos vídeos texto de Guimarães Rosa sobre a sua infância e Grande Sertão: Veredas, clique nos links em azul abaixo:

http://www.youtube.com/watch?v=ODSciuLK5V0 - Infância - João Guimarães Rosa - Cordisburgo

http://www.youtube.com/watch?v=p1UYC-n56sc - Grande Sertão: Veredas - João Guimarães Rosa

TEXTO ENVIADO PELO AMIGO FLUMINEIRO QUE ESCAPOU DA SEGUNDONA , ADENIR BALMANT

PESQUISA E FOTO: WIKIPÉDIA E INTERNET