sábado, 20 de junho de 2009

Mineiridade

Mineiro é assim...
É desconfiado,
Mas... Quando confia, ta confiado!
Fala pouco, moderado,
Mas... O que diz é acertado!
Não perde tempo, não perde hora,
Mas... Dorme cedo, o senhor e a senhora!
Mineiro é assim...
Gosta de uma cachacinha,

Foto: UNIVERSO - Diamantina - Minas Gerais - Brasil - Pousada do Garimpo

E... De duas, de três, de quatro, de...!
Tem fama de come quieto,
E... Foi aprendizado de avô, de pai e agora de neto!
Adora comer tutu,
E... Macarronada, guisados, quiabo com angu...!
Não despreza uma lingüicinha,
E... Galinha caipira, canjiquinha, cebolinha...!
Mineiro é assim...
É matreiro,
Porém... Amigo, se conquistado primeiro!
Gosta de pão de queijo,
Porém... Pelo francês e o borboleta tem íntimo desejo!
Não dispensa uma costelinha,
Porém... Fica de olho na anca da vizinha!
Mineiro é assim...
Proseia comendo couve picadinha,
No entanto... Delicia-se com a rasgadinha!
Tira gosto com torresminho,
Foto: UNIVERSO - Cachoeira de Macacos - Minas Gerais - Brasil
No entanto... Coloca, outra vez na boca, o gostinho!
Com seu canivete pica palha e fumo de rolo,
No entanto... Com sua peixeira na cinta, não carrega desaforo!
Enrola, com capricho, o seu cigarrinho,
No entanto... Só depois da boquinha de pito dá o seu traguinho!
Mineiro é assim...
Conta causo, conta conto,
Todavia... Não esquece o nó do ponto!
Nunca perde o trem,
Todavia... Burro e cavalo são, o transporte que ainda tem!
De pedir a pai e mãe a benção, faz sempre questão,
Todavia... Nunca esquece os filhos na hora da oração!
Mineiro é assim...
Por um leitão à pururuca é apaixonado,
Entretanto... Lambuza-se com o ensopado!
Sua sobremesa é queijo e goiabada cascão,
Entretanto... Come também doce de leite, de coco ou mamão!
Sabe, como ninguém, ponhá o fumo na paia,
Entretanto... Enrola papel fino, com ajuda da navaia!
É conhecido por falar, nóis fumo, nóis vortemo, nóis vai,
Entretanto... Numa prosa de mineiro o que mais se escuta é, uai!
Mineiro é assim...!!!
Elias Muratori